sexta-feira, 15 de março de 2013

Fotógrafos do rolê! Marcel Favery



 
 Nome completo: Marcel Favery
Idade: 26
Tempo de fotografia; 4 anos 
Cidade onde mora: Curitiba
Canal de imagens: www.marcelfavery.com 

Diego Costa - Ollie

Qual equipamento está utilizando atualmente? e Porque?
atualmente uso uma Canon 7D principalmente por sua precisão nos clicks e velocidade de disparo em sequência.

Quais são as inspirações para fazer as fotos? 
Eternizar os momentos da forma como eu os enxergo.

Quais são as dificuldades nas sessões? 
No meu caso, sempre tenho uma certa dificuldade com meus flashes, pois com o orçamento curto, não tenho o equipamento ideal. A fotocélula para de funcionar direto, alem de não ter os tripes necessários, então sempre preciso da ajuda de quem esta na sessão junto para segurar os flashes. Já perdi bons momentos por falha de equipamento, mas sempre damos um jeito de a foto sair.

Larissa Carolo - Flip

Quanto tempo leva para fotografar e ficar pronto cada trabalho? 
Depende do trampo e também do acúmulo de trabalho. As vezes fica pronto no mesmo dia, as vezes leva uma semana, então varia bastante.

Qual a procura pelo trabalho de fotos no Skate? 
Muito pequena, na real os próprios atletas são quem mais chamam pra trabalhar. Mas nem sempre eles tem um pico interessante do ponto de vista da fotografia. Mas quando tem, tiramos o máximo de cada um deles.

Yago Passos - Bs Smith

Tem planos para próximos trabalhos? Quais? 
Estou no meio de um projeto de vídeo que será um curta metragem mostrando Curitiba na noite e quem aproveita a cidade vazia na madrugada pra fazer um role. Com fotos, estou sempre na espreita de algum brother intimar pra algum role. Agora escrevendo aqui, o Wiverson Miranda e o Yago Passos acabaram de intimar… vamos ver que picos eles tem pra gente registrar.

Qual sua opnião sobre o mercado fotográfico de skate no Brasil? 
É um mercado muito fechado, quem está dentro trabalha bastante e quem quer entrar tem que ralar muito mais. Mesmo tendo ótimas fotos, vejo muitos talentos na fotografia perdendo espaço para fotógrafos já consagrados, nem tanto pela qualidade do trabalho, e sim mais pela amizade que existe entre as pessoas que já estão envolvidas. Querendo ou não existe uma panelinha, e pra entrar nela é preciso estar na rua, nas pistas, nos eventos, em contato com o máximo de pessoas, pra que te conheçam, reconheçam e valorizem seu caráter e seu trabalho.


Wiverson Miranda - Bs Crooked

O que diria para quem pretende ser um fotógrafo também? 
Persista! Nunca desista! Seja paciente para conseguir registrar aquele momento único. E vibre a cada momento bem registrado. Sempre que olhar pra sua foto, viverá de novo a sensação daquele instante. Fotografar skate não é apenas operar o equipamento, é também motivar os atletas para que eles acertem aquela pedrada na base pousando com as 4.

Agradecimentos?
Gostaria de agradecer as pessoas que sempre correm lado a lado comigo na busca de novas imagens. Diego Costa, Larissa Carollo, Wiverson Miranda, Yago Passos, Bruno Cerqueira, enfim, todos os atletas com quem já tive o prazer de trabalhar, e todas as pessoas que me ajudaram na sessão, seja segurando um flash, ou mesmo ali de olho torcendo pra que eles acertem a manobra e eu o click. Agradecer também ao Nutrinho por me convidar a fazer parte desse espaço, e a você que leu tudo isso até aqui!

Confere lá: www.marcelfavery.com

1 comentários:

Luna Cris disse...

Amigo tá show de bola seu trabalho ... Parabéns!!!!!!!!!!!!!!

bjs imensas sds